Novidades

Advogado Samuel Martins fala sobre o Supersimples e a vedação à “Pejotização”. Saiba mais!

Com a regulamentação da nova Lei do Supersimples (Lei Complementar 147/2014), que universalizou este tipo de tratamento tributário para todos os setores da economia, o Governo proibiu, mediante veto, que pessoas jurídicas inscritas no Supersimples tenham vínculo de emprego com a empresa contratante.

Tal proibição atinge diretamente milhares de empresas brasileiras que têm por hábito contratar seus empregados sob a forma de pessoas jurídicas.

Leia na íntegra o artigo do advogado Samuel Mertins e conheça as implicações previstas para estes casos:


http://g9investimentos.com.br/artigos/ler/219/o-supersimples-e-a-vedacao-a-pejotizacao.html

Vale a pena à leitura.