Biblioteca

Trabalho e Carreira: Perdeu o emprego? Saiba como agir

As consequências da crise financeira não se resumem ao baixo desempenho da nossa economia, tampouco a falta de perpectivas positivas de curto e médio prazo. 

Da noite para o dia empresas de todos os setores tidas como sólidas e inabaláveis, simplesmente, desapareceram do mapa. 

As demissões em massa atingem do 'chão das fábricas' ao alto escalão. Ninguém está imune. A iminência do desemprego está 'adiando' milhares de projetos pessoais por tempo indeterminado.

Definitivamente, é preciso usar a razão para enfrentar esse período com relativa tranquilidade.

Empreendedorismo x Prudência

Em momentos difíceis como agora a prudência deve ser a palavra de ordem. As estatísticas mostram que empreender 'sob-pressão' utilizando o valor das indenizações e rescisões pode não ser o melhor negócio. 

Antes de arriscar todas as suas economias na tentativa de dar uma volta por cima 'instantânea', avalie suas chances de recolocação profissional.

A recomendação para quem está desempregado é reduzir os gastos pessoais e familiares ao máximo e planejar o uso do dinheiro. Definitivamente, não é hora de fazer novas dívidas ou gastar suas reservas com supérfluos.

Invista em Qualificação

Nestas horas, sem dúvida, o melhor investimento é em qualificação profissional, quando menos no sentido de manter o seu emprego até a chegada de dias melhores. Assim, quando a economia voltar a crescer você estará preparado para alçar voos mais altos.

Fica a dica:

Reforce as suas qualificações e não confunda as habilidades de final de semana com vocação empresarial, afinal, não há crise que dure para sempre.

Boa sorte!

» Leia Agora: Imóveis: a indústria dos distratos e o risco de retrocesso da segurança jurídica

Nossa missão é contribuir para o sucesso financeiro e pessoal dos nossos clientes.

G9 Investimentos - Consultores Associados