Biblioteca

Leilões: uma forma lucrativa de investir em imóveis

O alcance da independência financeira depende diretamente da nossa capacidade de buscar e identificar oportunidades de negócio realmente lucrativas.

Para quem investe no mercado imobiliário, por exemplo, uma das principais dificuldades está no rompimento com as práticas e conceitos do passado, ou seja, aquelas do tempo em que investir se resumia na compra de um imóvel com a intenção de mantê-lo em carteira por toda vida. Ora, antigamente a disponibilidade de terrenos e áreas era quase infinita, as cidades estavam em formação, as populações eram menores, a infraestrutura era mínima, o custo de vida era baixo, havia pouco dinheiro circulando e o acesso as informações financeiras era restrito e impreciso. A combinação destes fatores fazia do investimento imobiliário algo, praticamente, líquido e certo, pois bastava comprar e esperar a cidade crescer. Aparentemente, até o tempo passava mais devagar.

Hoje, porém, quem quiser ter sucesso financeiro não poderá agir nem pensar como antes, independente do ramo de atuação.

Investimentos Imobiliários

No caso dos imóveis não é diferente. Dificilmente as melhores oportunidades serão encontradas em anúncios de jornais, lançamentos, compras em planta ou em locais notadamente supervalorizados (como no bairro vizinho à nossa casa).

A saída, então, é buscar novos horizontes. 

Apesar da fama de empreendedor, em comparação com outros povos, o brasileiro ainda é um pouco acanhado na hora de investir e costuma adotar uma postura conservadora em relação ao risco, dando preferência para o que está ao alcance dos olhos e das mãos.

Ironicamente, esse comportamento está na contramão do que se espera do investidor da Era da Informação, principalmente, num momento em que grandes transformações estão acontecendo no interior e nos arredores das grandes cidades do país, locais antes esquecidos e que, em breve, passarão a ser sedes de grandes empresas, bases para grandes investimentos de infraestrutura, pólos produtivos e de serviços, rotas alternativas para o turismo, cidades dormitório, etc. Em todos eles existem centenas de negócios verdadeiramente vantajosos e seguramente mais rentáveis do que as ofertas dos panfletos.

Leilões e Concorrências Públicas

Outra modalidade extremamente lucrativa de investir em imóveis e ainda pouco conhecida do investidor tradicional são os leilões (judiciais e extrajudiciais) e concorrências públicas.

Com a disparada do endividamento da população, tudo indica que a oferta de imóveis neste segmento atinja patamares jamais vistos, pois, enquanto as pessoas continuarem agindo sob ‘hipnose’, assumindo compromissos financeiros de longo prazo, pagando juros altíssimos e se deixando atrair pelas armadilhas de um mercado imediatista e que usa o sonho da casa própria e a desinformação financeira da população para bater metas, não irão faltar opções para quem souber esperar.

CONCLUSÃO

Para ganhar dinheiro com imóveis basta saber comprar barato, seja para venda ou para locação. Nos leilões e concorrências públicas você poderá formar uma carteira com descontos que podem chegar a 40% do valor de mercado. Pense nisso quando for investir.

» Leia Agora: Estacionamentos: horista ou mensalista? Saiba qual é a modalidade mais lucrativa

Nossos Produtos e Serviços